terça-feira, novembro 17, 2009


Isso sim é paz de existência.

16 de NOVEMBRO



E de repente a respiração pairou; ela se foi, numa tranquilidade que somente os animais podem ter. Ela de certa maneira, escreveu esse blog mal feito. Homenagem à minha pastora alemã, um pouco nazista (não, nazista não) - ela tinha era PERSONALIDADE. Acho que eu até invejava isso. Obrigado por esses quase 14 anos Hanna.

terça-feira, novembro 03, 2009

Lévi Strauss morreu aos 100 anos, meses atrás eu lia algo dele na biblioteca da Faculdade de Filosofia. Que coisa, esteve em 1935 até 1939 no Brasil, fundou a USP com outros franceses e viajou Brasil atrás de índios no meio do mato. Nunca mais voltou pra cá. Ficou em sua mente, um Brasil dos anos 30. Dá pra sacar o quanto isso é interessante? Você vive um século, e até domingo a imagem que ele tinha do Brasil era de 1935, da velha USP da Maria Antônia, antiga sede da Faculdade de Filosofia, quando a cidade universitária era um matagal sem fim. Hoje, tudo tão efêmero, ninguém percebeu isso.

sábado, outubro 17, 2009

texto proibido para quem ainda tem esperança

Cansado de estudar, de eventos de arte e cultura, vídeo arte contemporânea neo pós-moderna, artistas residentes, hiper currículos de nariz empinado, conceitos ultra reflexivos, absurdos conceituados para provar o nada, nada vezes nada. Cansei. Tanta esnobice pra nada. A arte não significa mais nada. Tanto museu, galeria, espaço, centro cultural, nada. Como disse Beckett (esse sim genial) - Endgame Mr. Godot ...pra quê tanto peito estufado, tudo que a humanidade precisa os gregos escreveram, Shakespeare reescreveu e Balzac justificou. E Beckett destruiu. Nós contemporâneos somos obsoletos, com toda nossa tecnologia e universidades. Eu não posso contribuir com nada. Essas coisas que faço, não são nada. Um pouco de auto crítica a nós, figuras contemporâneas, não fazemos nada inovador, somos a cópia da cópia. Eu cansei, de mim, e estou procurando emprego de diretor de filmes porno (é sério - pagar as contas e tal) - a verdadeira arte do vulgar, da carne humana, da escrotisse (afinal tudo que fazemos é no fundo sexo, para o sexo, em função do sexo, não é mesmo Mr. Freud?).

Alguém tem contato na Brasileirinhas ou na Buttman pra me indicar como diretor de cena?

segunda-feira, outubro 12, 2009

O que fazer para [des]conhecer pessoas que você encontrou pelo caminho? Alguém acha que títulos acadêmicos, cultura ou conhecimento torna os "Outros", seres mais interessantes de se conviver? A resposta é não. Ultimamente até uma pedra no meio do caminho é melhor.

segunda-feira, outubro 05, 2009

Não sei o que fazer com essa vida que a própria construiu para mim.

quarta-feira, setembro 23, 2009

Mojo Books


A nona de Beethovem no Mojo Books, com quase 1 ano de atraso. É só clicar na imagem e ir pro site e fazer um cadastro.

sábado, setembro 19, 2009

Fui ver a exposição Vanguardas russas, de repente percebi que a arte já estava morta desde aquela época. E eu sempre apreciei Malevitch, algo que já registrei por aqui. Se estava morta, o que restou por essas décadas todas? Tão morto como o gosto amargo que seca minha boca. Por isso não convido ninguém pra visitar exposições. Deveriam ser proibídos incursões grupais em museus e galerias de arte.